top of page

O futuro das exportações de cargas: tendências a serem observadas

Em qualquer área de atuação, independentemente da atividade, é fundamental que os envolvidos pensem sobre o futuro. Afinal, por mais que o presente seja importante, planejar os próximos passos e estar atento ao que pode aparecer como novidade e tendência é indispensável.



No segmento de exportações de cargas, não é diferente. Quem atua na área precisa estar atento às tendências a serem observadas. E, para ajudar, preparamos este conteúdo especial.


Aqui, apontaremos algumas destas tendências, mostrando por que elas são esperadas para o futuro e como elas podem mudar e melhorar a exportação, trazendo mais eficiência, economia e outras vantagens.


TECNOLOGIA CRESCENTE NA LOGÍSTICA


Falar que a tecnologia é uma tendência seria repetir algo óbvio, já que os avanços vêm acontecendo há anos. Mas, no caso das exportações, vale citar a tendência de que a logística seja beneficiada.


Quando a tecnologia entra em pauta na exportação, muitos pensam nos veículos usados, seja para transporte aéreo, marítimo ou rodoviário. Mas a logística integrada também é essencial. E uma tendência é o aumento da tecnologia nessa área.


Mais soluções para mapeamento e acompanhamento de carga, ganho de eficiência para cálculos de melhores caminhos, otimização dos processos de documentação e liberação na parte legal e burocrática.


Enfim, é fato que uma tendência para o futuro, sendo algo já ativo no presente, é o aumento cada vez maior do uso tecnológico para a preparação logística, o que pode garantir ainda outros benefícios, como oferecimento de fretes competitivos e outros elementos.


DIMINUIÇÃO DO TRABALHO COM BUROCRACIA


Por falar em burocracia, é possível ver como tendência para o futuro a diminuição das exigências em relação a isso, e uma menor perda de tempo com esse assunto.


Não que o processo vai se tornar fácil ou pouco acompanhado. Não é uma questão de relaxamento excessivo de regras e monitoramento, até porque é necessário que haja um trabalho de fiscalização para evitar problemas.


Mas, com o aumento da tecnologia, com a maior digitalização de processos e também o entendimento de que a burocracia pode ser um problema para a competitividade das empresas, a tendência é de que tudo seja facilitado, dentro de uma margem de segurança para todos. Facilidades com desembaraço aduaneiro não significará menor capacidade de monitoramento.


Mais velocidade para envio de documentos, mais eficiência para liberação de cargas e fiscalização ainda melhor, ainda que mais rápida. Isso deve acontecer cada vez mais.


PREOCUPAÇÃO COM A SUSTENTABILIDADE


A sustentabilidade é um tema em voga e, cada vez mais, todos se preocupam com isso. Cuidar do meio ambiente se tornou uma missão da maior parte das empresas e o transporte de cargas não pode ficar alheio.


A tendência aqui é justamente o aumento da preocupação com sustentabilidade, com transporte mais limpo e eficiente, rotas mais rápidas e que diminuam qualquer risco de impacto.


Tudo isso faz parte de um processo de governança das empresas exportadoras e isso será tema na hora de discutir logística internacional. Os agentes de carga precisarão estar atentos a isso no momento de exportação e, claro, de importação. Mas, de qualquer forma, é uma tendência para exportações de carga.


Portanto, se falamos de logística baseada em tecnologia avançada, diminuição da burocracia, sem perda de capacidade de organização e fiscalização, e também de sustentabilidade, estamos falando de algumas das principais tendências das exportações de cargas para o futuro próximo, já com esses elementos sendo postos em prática no presente.


Se você quer ter a melhor logística, com uma coordenação impecável dos processos, trazendo agilidade e eficiência, além de uma enorme capacidade de monitoramento de cada passo, conte com a FS Logistics. Estamos juntos com você para que sua exportação e importação seja a mais segura e completa possível.



5 visualizações0 comentário

Commenti


bottom of page